Quinta, 29 de Julho de 2021 09:54
(86) 9 9594-6614 / (86) 9 9865-1372
Jurídico Eleita

Carmelina Moura é eleita procuradora-geral de Justiça do Piauí

A eleição para consolidação da lista tríplice de candidatos ao cargo de procurador-geral de Justiça do Piauí (biênio 2021-2023) foi realizada nesse sábado (12).

13/06/2021 09h19
Por: Redação
Foto: Reprodução MPPI
Foto: Reprodução MPPI

A eleição para consolidação da lista tríplice de candidatos ao cargo de procurador-geral de Justiça do Piauí (biênio 2021-2023) foi realizada nesse sábado (12). Nos termos da Lei Orgânica do Ministério Público, a lista será encaminhada ao governador do Estado, que disporá de um prazo de 10 dias para exercer seu direito de escolha e nomear o PGJ.

Segundo o MPPI, a apuração foi realizada ainda no final da tarde, imediatamente após o final do horário de votação, às 17h. Foi obtido o seguinte resultado:

• Carmelina Maria Mendes de Moura: 101 votos

• Cleandro Alves de Moura: 98 votos

• Hugo de Sousa Cardoso: 82 votos

Os trabalhos foram conduzidos pela Comissão Eleitoral, presidida pelo procurador de Justiça Antônio de Pádua Ferreira Linhares e constituída pelos também procuradores de Justiça Teresinha de Jesus Marques e Hosaías Matos de Oliveira. Em razão da pandemia da Covid-19, a eleição foi realizada remotamente, por meio do sistema Athenas, que dispõe de diversas ferramentas de segurança.

Puderam votar todos os procuradores e promotores de Justiça no efetivo exercício de suas funções. Todos os 158 eleitores habilitados votaram. Cada eleitor poderia votar em até três candidatos, de forma plurinominal. Foram apurados 281 votos válidos, 187 votos brancos e 6 votos nulos.

Ao final da apuração, o presidente da Comissão Eleitoral proclamou o resultado e falou sobre o sucesso do pleito. “Alcançamos uma conquista histórica, com a participação de 100% do eleitorado. Foi um processo eleitoral muito tranquilo, econômico, seguro e transparente”, destacou o procurador de Justiça Antônio de Pádua Ferreira Linhares.

O procurador-geral de Justiça exerce a chefia do Ministério Público Estadual, representando-o judicial e extrajudicialmente. Entre as atribuições do PGJ, estão a gestão da política institucional e a execução orçamentária da instituição. Ao PGJ cabe também a presidência dos colegiados da Administração Superior: Colégio de Procuradores de Justiça e Conselho Superior do Ministério Público. O mandato tem a duração de dois anos.

Fonte: MPPI

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias