Segunda, 28 de Setembro de 2020 05:37
(86) 99527 0737
Policial PRISÃO PREVENTIVA

Acusado de matar criança de 5 anos tem prisão preventiva decretada

De acordo com a juíza a liberdade de Francisco de Assis representa um risco à ordem pública.

16/09/2020 16h54 Atualizada há 2 semanas
Por: Redacao Fonte: meio norte com informações de R10
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Francisco de Assis Ferreira de Sousa, acusado de ter assassinado a criança Ronysandro Queiroz Sousa, de apenas cinco anos, no município de Colônia do Gurguéia, teve prisão preventiva decretada nessa terça (15), pela juíza Luciana Claudia Medeiros de Souza Brilhante, da Vara Única da Comarca de Manoel Emídio.

Ele confessou o crime. Outros dois suspeitos também foram presos, mas negaram o crime. A informação é de que os dois homens estavam ameaçando a família da vítima.

De acordo com populares, o crime foi premeditado. Enquanto os vizinhos e policiais procuravam o menino, a família da vítima começou a receber ligações de uma mulher desconhecida que afirmava ter visto o garoto em lugares distintos, o que atrapalhou nas buscas. "Foi como se fosse tudo planejado, ela ficava ligando como se tivesse despistando", disse um homem que preferiu não se identificar.

O tenente Cláudio Manoel, Comandante do Batalhão da Polícia Militar de Colônia do Gurgueia, informou que as buscas da PM iniciaram às 22h. "Fomos para o local perto do campo de futebol e, com os moradores, encontramos o menino morto com perfuração no pescoço. Isso aconteceu por volta da meia-noite", disse o tenente.

O corpo de Ronysandro ainda está no local do crime. Os policiais militares fizeram o isolamento do espaço, à espera das equipes da Polícia Civil, que vão realizar a perícia criminal. O Batalhão de Polícia Militar informou que dois homens foram presos suspeitos de envolvimento no assassinato.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias